19/03/2010

Bicuda (sphyraena viridensis)

Nome científico: Sphyraena viridensis
Nomes comuns:
Açores: Bicuda
Continente: Bicuda, Barracuda
Espanhol: Barracuda amarilla, Espetón boca amarilla
Inglês: Yellowmouth barracuda
Francês: Bécune bouche
Itália: Barracuda mediterraneo

A espécie de Sphyraena sphyraena possui uma distribuição geográfica que vai desde o Atlântico Este Central, Açores, Cabo Verde e Canárias.
Possui um corpo alongado e cilíndrico, coberto por escamas pequenas. Têm uma cabeça grande com um longo e pontiagudo focinho. Corpo com coloração cinzenta azulada, predominando o esverdeado na parte dorsal e o branco prateado na parte ventral.
São organismos pelágicos que podem atingir uma profundidade de cerca de 100 metros. Alimentam-se de crustáceos e cefalópodes.
Os Açores são detentores do recorde caça submarina desta espécie.


Peixes capturados por: Tibério Barbeito
Tipo de pesca caça submarina

3 comentários:

Esox Fever disse...

Uno de los peces más deportivos del mar, y una de las bocas más intimidatorias del mundo de los peces.

Gui disse...

Pelos menos que eu conheço... o maior exemplar dessa espécie é 13kg e apanhado pelo Tiago Toledo

NC disse...

o post está bom... só acho que deverias tirar foto apenas à bicuda maior... demonstra maior selectividade ;)

abraço

Direção

Tibério Barbeito e Zeferino Espínola Contacto: azoresub@hotmail.com