22/11/2009

Emergency First Response

Porquê tirar um curso de primeiros socorros (Emergency first response)
Por vezes deparamo-nos com algumas situações inesperadas às quais devemos saber reagir; tais como:
Alguém corta o dedo, uma pessoa de idade tem um ataque cardíaco, desmaio por ter permanecido muito tempo ao sol, uma criança flutua inerte com a cara virada para baixo numa piscina ou no mar, alguém engasga-se com comida mesmo ao pé de si e não consegue ventilar. Muitas destas situações podem ocorrer tanto no mar como em terra e deveremos saber como reagir pois o tempo é crucial.

E neste tipo de situações se tivermos preparados, podemos fazer a diferença entre a vida e a morte ou uma recuperação complete e uma incapacidade, pois até ao pessoal médico chegar pode levar algum tempo e este tempo para a vítima é crucial e é ai que você deve intervir.


Assim todos nós podemos ser socorristas de emergência. Não se pode garantir que uma pessoa viverá ou recuperará completamente, pois há várias situações que fogem ao nosso controle, mas dadas as situações faremos tudo o que pode ser feito.

Sendo assim, chamo a atenção a todos os amantes de desportos marítimos (mergulho, caça submarina, pesca, etc…) que tirem uma formação de primeiros socorros, pois muitas vezes encontramo-nos em zonas que o pessoal médico não consegue chegar facilmente e temos que saber nos desenrascar tais como “passos”, rochas altas de difícil acesso, barcos, etc... e assim pudesse fazer a diferença, que muitas vezes é um amigo familiar ou conhecido.

Texto de: Tibério Barbeito


3 comentários:

Fish Whisperer disse...

Great advice. Everyone should know some basic first aid
Cheers

José Silva ® disse...

Boa inicitiva pessoal!
É sempre bom termos uma formação no na area da saúde e os primeiros socorros são de facto um tema a aprefundar.
Força rapazes.

D.Ochoa disse...

Tema bem focado pessoal!

Direção

Tibério Barbeito e Zeferino Espínola Contacto: azoresub@hotmail.com